Mudanças no Crédito Rotativo Sorocred




A partir de 03/04/2017, passam a valer as novas regras para a utilização do Crédito Rotativo do seu Cartão, conforme a Resolução nº 4.549 do Conselho Monetário Nacional (CMN). Com isso, o crédito rotativo poderá ser utilizado por, no máximo, 30 dias. Isso significa que o saldo remanescente da fatura anterior deverá ser pago até a data de vencimento da próxima fatura, sendo necessário o pagamento integral ou o parcelamento dos valores em até 12 vezes, com taxas de juros menores e parcelas fixas que caberão no seu bolso e vão ajudá-lo a manter o seu controle financeiro.

Antes de tudo, é importante saber: se você está acostumado a pagar a sua fatura integralmente (valor total), nada muda para você. O seu cartão continua da mesma maneira que você já conhece e seu limite é restituido de acordo com o pagamento da sua fatura.

Se você precisar utilizar o crédito rotativo, ou seja, pagar a sua fatura parcialmente, veja quais são as mudanças:




Entenda como ficarão as faturas:

Veja um exemplo¹ da fatura de abril:

No exemplo abaixo vemos uma fatura com vencimento no dia 01/04 com o valor total de R$ 1000.
Caso seja realizado apenas o Pagamento Mínimo, no valor de R$ 158,00, o saldo remanescente (R$ 842,00) será financiado através do crédito rotativo.


1- Os valores são apenas ilustrativos. Na sua fatura constarão os valores exatos e referentes às suas compras e gastos.


Como ficará minha fatura de maio:

Imagine que no proximo mês você realize R$ 200,00 em compras. O total da sua fatura será composto por:

Saldo Devedor (R$ 842,00) +
Novos gastos/compras (R$ 200,00) +
Encargos referentes ao saldo financiado de abril:  (R$ 176,01)  =
Total de sua fatura: R$ 1.218,01


Na hora de pagar sua fatura você terá 4 opções de pagamento: o Pagamento Total (1), o Pagamento Mínimo (2), pagar o valor exato de alguma opção da Fatura Parcelada (3) ou escolher a entrada do seu parcelamento (4).

 

Pagamento Total
Esta é a melhor opção, pois evita a cobrança de juros nas próximas faturas. Esse valor é composto pelo saldo financiado do mês anterior (R$ 842,00) + encargos referentes ao financiamento do saldo anterior (R$ 176,01) + novos gastos e compras do mês (R$ 200,00).

Pagamento Mínimo
Com a nova regra, esse valor ficará um pouco mais alto do que antes, pois será composto pelo saldo devedor da fatura anterior (R$ 842,00) + 15% dos encargos referentes ao financiamento do saldo anterior (R$ 26,40) + 15% dos gastos do mês (R$ 30,00). Ao fazer esse pagamento, você garante que todos os valores da fatura anterior que foram financiados sejam completamente quitados e, com isso, o pagamento rotativo anterior é totalmente liquidado.
Fatura Parcelada
Caso prefira taxas de juros menores e maior previsibilidade das parcelas e valores futuros, você pode contar com o pagamento parcelado da fatura em até 12x fixas. Escolha a melhor opção de prazo exibida e faça o pagamento no valor exato escolhido, inclusive os centavos, de uma única vez. Isso é muito importante para que o parcelamento seja feito de forma automática. Caso prefira outras opções de prazo, você pode ligar para a nossa Central de Atendimento e solicitar outras simulações.
Escolha a entrada do parcelamento
Quando disponível, você poderá escolher o quanto quer pagar como entrada do parcelamento. Ao pagar a entrada, o valor é descontado do valor total da fatura e o saldo remanescente será parcelado em até 12X fixas² com a mesma taxa de juros da Fatura Parcelada. A entrada poderá ser de qualquer valor, desde que esteja dentro do intervalo exibido nesse quadro. Pagamentos menores do que o valor mínimo exibido nesse quadro farão com que a fatura fique em atraso e seu cartão poderá ficar momentaneamente bloqueado até que a situação seja regularizada. Portanto, não deixe a sua fatura atrasar! Caso você faça um pagamento maior do que o valor máximo exibido nesse quadro, seu pagamento será classificado na situação 2 (Pagamento Mínimo).


2- O prazo de parcelamento depende do saldo remanescentes. A parcela mínima é de R$ 10,00, portanto, o prazo do parcelamento será adequado à parcela mínima.






Perguntas Frequentes

1. O que é o Crédito Rotativo?
É quando você paga uma parte de sua fatura com um valor inferior ao total, mas superior ao valor mínimo de sua fatura, essa diferença é financiada para sua próxima fatura com juros do Crédito Rotativo e IOF.
 

2. Como faço para utilizar o Crédito Rotativo e quais são as taxas que pago por ele?
Basta pagar algum valor entre o mínimo e o total de sua fatura. Sobre o saldo remanescente serão cobrados encargos com a taxa vigente à época que pode ser visualizada na própria fatura ou entrando.



3. O que acontece se eu pagar minha fatura após a data de vencimento?
É muito importante que você não perca o vencimento da sua fatura! Sempre mantenha o pagamento em dia. Porém, se você pagou após o vencimento, o saldo remanescente também será financiado através do crédito rotativo, porém com a cobrança de uma multa de 2% sobre o valor total da sua fatura e de 1% de mora sobre o saldo da fatura em atraso proporcionalmente a quantidade de dias em que a fatura ficou em atraso. Se a fatura ficar atrasada por muitos dias, seu cartão poderá ser bloqueado temporariamente até que o pagamento seja feito.

 

4. Existe alguma mudança para quem realiza o pagamento do valor total da Fatura?
Não, pagando o valor total de sua fatura ela será integralmente quitada, não constará nenhum valor a ser financiado para a próxima fatura e muito menos haverá a cobrança de quaisquer encargos. Sempre prefira o pagamento total da sua fatura! É muito mais vantagem para você!

 

5. Quais são as mudanças que ocorrerão nas regras do Crédito Rotativo a partir de abril de 2017?
O saldo da sua fatura poderá ser financiado por no máximo 30 dias. Após esse prazo serão disponibilizadas as opções de quitação do valor total, o valor mínimo e opções de parcelamento em até 12x fixas. Todas essas opções serão exibidas na sua fatura. Ou seja, você não precisa entrar em contato conosco para que essas opções sejam oferecidas, elas já irão automaticamente na sua fatura.

 

6. Caso eu faça qualquer parcelamento, haverá possibilidade de antecipar o pagamento ou quitá-lo completamente?
Sim, a antecipação total ou parcial de qualquer parcelamento poderá ser solicitada em nossa Central de Relacionamento a qualquer momento que desejar. Para isso, basta ligar no 0800 55 55 15 ou (15) 3224.6555 e solicitar a antecipação do pagamento.

 

7. Em quais situações eu devo utilizar o meu Crédito Rotativo?
Apenas em situações emergenciais. Prefira sempre o pagamento total ou o parcelamento da fatura. 

 

8. Existe um valor mínimo para as parcelas do parcelamento?

Sim, o valor mínimo para cada parcela será de R$ 10,00.

 

9. Quando eu escolho a entrada do meu parcelamento usando a opção exibida na fatura, qual o prazo do parcelamento?
O Parcelamento poderá ter de 2 a 12 parcelas, conforme os critérios estabelecidos pela Sorocred, que consideram principalmente, o valor mínimo possível da parcela. Se você der uma entrada muito alta, é provável que o saldo remanescente para parcelamento seja pequeno o suficiente para que as parcelas sejam menores do que a parcela mínima de R$10,00. Sendo assim, automaticamente são feitas simulações em prazos menores (partindo de 12X) até que a opção de parcelamento esteja adequada a regra.

 

10. Se eu já tiver um ou mais parcelamentos em dia, poderei contratar novos parcelamentos?
Você pode contratar vários parcelamentos desde que possua limite de crédito disponível. Se, no momento em que a sua fatura for consolidada você não possuir mais limite disponível, não poderemos mais ofertar parcelamentos. Nesse caso, você terá de fazer o pagamento total ou pagar o valor mínimo, caso esteja disponível.

 

11. Se eu tiver vários parcelamentos, como ficará minha fatura?
Se você possuir mais de um parcelamento em andamento, eles aparecerão em sua fatura separadamente cada um com sua data de contratação e também a quantidade correspondente de parcelas.

 

12. Os encargos do parcelamento já estarão contabilizados nas parcelas?

Sim, as parcelas são fixas e nelas são inclusos os valores dos encargos do financiamento. Adicionalmente, será cobrado o IOF (imposto sobre operações financeiras do governo federal) com valores tabelados pelo governo: 0,38% sobre o valor total e 0,0082% por dia (relativo ao prazo de parcelamento).

 
 

13. O valor do parcelamento de minha fatura compromete o meu limite do Cartão de Crédito?
Sim, o saldo financiado pode comprometer o limite do seu Cartão de Crédito que é restabelecido mediante os pagamentos das parcelas. 

 

14.  O valor do Pagamento Mínimo será influenciado pelas operações de parcelamento de fatura em andamento?
Sim, os valores das parcelas informadas na fatura do mês irão compor o valor do Pagamento Mínimo de forma integral. 

 

15.  Qual é a taxa cobrada no parcelamento da fatura?
A taxa utilizada no parcelamento da sua fatura, sempre que essa opção for disponibilizada, será exibida na própria fatura. Dessa maneira você poderá comparar as opções e escolher a forma de pagamento mais vantajosa para você. Adicionalmente, você pode entrar em contato conosco para obter essas informações.

     
 
 
 
> Conheça a Sorocred > Você > Empresas > Lojas > Net Banking